Meu Grão de Areia

O meu primeiro crush foi na terceira série. Nunca passou de um amor platônico. Muitos outros não revelados amores vieram depois desse, mas o primeiro amor correspondido que eu tive foi a escrita.
Em tempos de TikTok, Youtube e Podcasts, eu decidi fazer as pazes com o meu primeiro amor e voltar a ter um relacionamento sério com as palavras.

PENSAMENTOS E REFLEXÕES

O único objetivo aqui é ser honesta comigo mesma, e compartilhar aquilo que eu acredito ser relevante. Eu ainda não tenho certeza o quanto eu estou disposta a me expor. Dizem que é fácil escrever sobre si mesmo, mas é preciso coragem para deixar que os outros saibam tanto sobre você.

CONTOS

Eu consigo contar nos dedos a quantidade de livros de autoajuda que li em minha vida, mas eu não tenho ideia de quantas noites eu deixei de dormir para ler só mais um capítulo das aventuras de um protagonista. Escrever histórias sempre foi um desafio, mas o resultado sempre me surpreende.

CHINA

Um pouco sobre como é a vida de uma brasileira na China.

Posts recentes

(Des)amado I / (Un)loved I

Eu permito as lágrimas e uma vez mais senti-las, para outra vez tentar esquecer o seu rosto que eu sigo a ver. Eu permito as lágrimas uma vez mais inundar-me, porque ouço sua voz como se fosse meu algoz. Eu permito as lágrimas mesmo que eu odeie senti-las, porque o passado é apenas uma memóriaContinuar lendo “(Des)amado I / (Un)loved I”

What I have learned in China

I had already thought about writing a list of what I have learned as an expatriate in Asian lands, but I believe there is no better opportunity for that than now, considering October is the month that I personally celebrate my first arrival here and it is the 72nd anniversary of the People’s Republic of ChinaContinuar lendo “What I have learned in China”

Receba novos conteúdos na sua caixa de entrada.