Amanheceu chovendo / It rained at dawn

Amanheceu chovendo e eu lembrei de quando eu visitei minha tia e ela fez bolinho de chuva porque choveu.

Amanheceu chovendo e eu lembrei de quando chovia à tarde e minha mãe fazia café e bolo de cenoura com cobertura de chocolate.

Amanheceu chovendo e eu lembrei que em Goiás tem mês que nunca amanhece chovendo.

Amanheceu chovendo e eu lembrei que um dia eu estava no meio de uma trilha em Pirenópolis e começou a chover.

Amanheceu chovendo e foi como se o céu também estivesse lembrando de algo e começou a chorar.

Mas eu não chorei.

Meu olhos se encheram de lágrima algumas vezes ainda antes do almoço, as lembranças continuavam a me perturbar enquanto eu trabalhava,

Mas eu não chorei.

Amanheceu chovendo e eu lembrei do dia de chuva que eu caí em frente ao shopping e o André começou a chorar.

Amanheceu chovendo e eu lembrei do dia que minha mãe quebrou o pé e ainda assim dirigiu a “boneca” (Kombi) porque tinha criança no carro e ela era o único adulto e não existia celular naquela época.

Amanheceu chovendo e eu lembrei dos barquinhos de papel nas poças dentro da sala de aula e do dia que nem o professor se conteve e riu quando viu.

Amanheceu chovendo e foi como se o céu também estivesse lembrando de algo e começou a chorar.

Mas eu não chorei.

Meu olhos se encheram de lágrima algumas vezes ainda depois do almoço, as lembranças continuavam a me perturbar enquanto eu trabalhava,

Mas eu não chorei.

Amanheceu chovendo e eu lembrei de quando eu rezava para não chover para ter futebol no final de semana.

Amanheceu chovendo e eu lembrei que quando meu pai nos levou no show do Barão Vermelho e assistimos o show debaixo de chuva.

Amanheceu chovendo e eu lembrei que choveu por 20 dias sem parar antes de eu ir para o Brasil buscar o André.

Amanheceu chovendo e meu amigo disse que a gente tinha dado como certo de que todos os dias são de sol nesta cidade.

Amanheceu chovendo e eu esqueci de onde estava e queria estar onde não estou.

Amanheceu chovendo e foi como se o céu também estivesse lembrando de algo e começou a chorar.

E eu chorei.

It rained at dawn and I remembered when I visited my aunt and she made a rain dumpling because it was raining.

It rained at dawn and I remembered when it rained in the afternoon and my mother made coffee and carrot cake with chocolate frosting.

It rained at dawn and I remembered that in Goiás there are months where they never start the day with rain.

It rained at dawn and I remembered that once I was on a hiking trail in Pirenópolis and it began to rain.

It rained at dawn and it was as if the sky was also remembering something and began to cry.

But I didn’t cry.

My eyes filled with tears a few times even before lunch, the memories continued to haunt me as I worked,

But I didn’t cry.

It rained at dawn and I remembered the rainy day I fell in front of the mall and André started to cry.

It rained at dawn and I remembered the day my mother broke her foot and still drove the Kombi because there were children in the car and she was the only adult and there were no cell phones at the time.

It rained at dawn and I remembered sailing paper boats in the puddles that formed inside my old classroom and the day that not even the teacher held back, laughing when he saw it.

It rained at dawn and it was as if the sky was also remembering something and began to cry.

But I didn’t cry.

My eyes filled with tears a few times even after lunch, the memories continued to haunt me as I worked,

But I didn’t cry.

It rained at dawn and I remembered when I prayed it wouldn’t rain so I could play soccer that weekend.

It rained at dawn and I remembered when my father took us to the Barão Vermelho concert and we watched the concert in the rain.

It rained at dawn and I remembered that it rained for twenty days straight before I went to Brazil to pick up André.

It rained at dawn and my friend said that we had taken it for granted that every day was sunny in this city.

It rained at dawn and I forgot where I was and wanted to be where I am not.

It rained at dawn and it was as if the sky was also remembering something and began to cry.

And I cried.

Proofreader/Translator Evelyn Jamila

Published by Tassia Kespers

Escritora, professora, tradutora, revisora, mãe e exploradora nas horas vagas.

2 thoughts on “Amanheceu chovendo / It rained at dawn

  1. Maravilha, Tassia… trazer boas e marcantes lembranças da vida cotidiana. Me fez lembrar de um dia chuva em Ubatuba, com a turma do tio Nelson e nós com carne pra fazer churrasco e como a chuva não parasse, achamos uma árvore frondosa na Praia do Tenório e ali uma fogueira, faziamos o churrasco e levavamos para as crianças e as ‘tias’ Ana e Cleuza no carro … esperando o churrasquinho assado… Boas lembranças guardadas por nós e eles até hoje… Parabéns e obrgd a vc por compartilhar e me fazer trazer à tona estas nossas lembranças também… abs a vc e André. Tio JJodas.

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: